Normativa condiciona a retomada a atendimento a normas sanitárias de combate ao coronavírus

Piscina e quadra esportiva | Foto: Larissa Quixabeira / Jornal Opção

Duas portarias publicadas na última sexta-feira, 9, liberaram o funcionamento de atividades em clubes recreativos, condomínios fechados e tabacarias em Aparecida de Goiânia. As atividades em parques de diversão e parques temáticos também podem ser retomadas depois de oito meses fechadas para combate à Covid-19.

A normativa condiciona a retomada a atendimento a normas sanitárias de combate ao coronavírus. Assim, o uso de piscinas está incluído na liberação, assim como os parques de diversão e temáticos, não excedendo 50% da capacidade máxima do estabelecimento.

A prefeitura de Aparecida ainda ampliou a retomada de eventos sociais o máximo de 150 pessoas, não excedendo 50% da capacidade máxima do estabelecimento. Para isso, é preciso que o ambiente comporte uma pessoa a cada 10 m². A capacidade máxima anterior era de 100 pessoas.

As feiras livres e especiais. não precisam mais do escalonamento, que previa dias alternados para ocupação dos espaços por feirantes.

Segundo a coordenadora do Comitê do Grupo Operacional de Enfrentamento ao coronavirus de Aparecida, Ana Paula Vilela, as medidas foram tomadas em razão da queda de casos ativos da doença nas últimas semanas. “É bom lembrar de todos os protocolos estabelecidos, principalmente do distanciamento social, o uso de máscara e higienação das mãos com álcoo em gel”, diz.