Música que pode ser o “hit do carnaval” faz apologia ao estupro e é alvo de críticas

“Só Surubinha de Leve” tem ganhado as plataformas de streaming no Brasil, enquanto é bombardeada nas redes sociais

MC Diguinho | Divulgação

Na corrida para se tornar o “hit do carnaval” de 2018, uma música entitulada “Só Surubinha de Leve”, do MC Diguinho, tem repercutido na web e se tornado alvo de críticas por seu conteúdo depreciativo às mulheres e por fazer apologia ao estupro.

“Pode vim sem dinheiro, mas traz uma piranha, aí!”, canta o MC no início da música para completar logo em seguida: “Taca a bebida. Depois taca a pica e abandona na rua”.

Nas redes, a canção tem acumulado críticas e motivo para questionar as letras dos chamados funks “proibidões”.

Apesar de toda a repercussão negativa, a controversa canção já está entre as 50 músicas mais ouvidas no Spotify Brasil e é um dos assuntos mais comentados nas redes sociais.

4 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Karoline Leite

Está tendo bastante ouvintes no Spotify, porque é muita polêmica, que áudio horrível isso que não se pode ser classificado como música.

Rui Ricardo Soares Melo Filho

Eu me recuso a chamar isso de música. Além de ser um atentado a minha inteligência, é um ato criminoso, pois faz apologia ao estupro (artigo 286 do Código Penal). O que tem que acontecer é a censura dessa aberração e uma punição para quem compôs, para a gravadora que fez o disco e para a emissora de rádio que tocar. Música é o que tem conteúdo e qualidade, como Paralamas do Sucesso, Engenheiros do Hawaii, Skank, Legião Urbana, Toquinho, Vinícius de Moraes, Tom Jobim, Tim Maia, Alceu Valença, A-Ha, Roxette, Scorpions, Beatles…

Nogueira

Ao que parece não há nenhum problema cultural ou algo do tipo na “música” que é primeira colocada na lista das mais ouvidas (citadas acima). Não vejo falar que na letra dela há apologia a nada…êêê Brasil… aliás, musicalmente o mundo todo tá retrocedendo, haja vista as “músicas” importadas dos EUA…letras sem noção, sem ideologia alguma e melodia medíocre. Tem um vácuo na música mundial. E a criançada aprendendo com o que escuta…

jean

Lixo, vindo de um lixo de cantor, esperam o que ? brazil fios…