Mulher casada diz que engravidou em banheira e decide processar hotel. Confira a reviravolta

O casal contratou uma advogada, mas aí o quadro mudou completamente. O homem e a mulher desistiram do processo. Entenda por quê

O leitor já leu Franz Kafka, autor da novela “A Metamorfose”? O leitor já leu Samuel Beckett, o criador de “Esperando Godot”? O leitor leu Ionesco, que escreveu “O Rinocerone”? Pois misture tudo com Carlo Collodi e, aí, poderá entender, ou não, a história que se contará a seguir. A fonte é o jornal “O Dia”, que publicou uma reportagem “nublada”: “Mulher diz ter engravidado sozinha em banheira de hidromassagem de hotel de luxo no Rio de Janeiro e marido tenta processar o estabelecimento”.

A história começou a assim, ao modo de um conto de Tchekhov ou de Guy de Maupassant. Uma mulher, bela e casada, hospedou-se num hotel cinco estrelas na Cidade Maravilhosa. Quando o marido voltou de uma viagem de seis meses (a trabalho) a descoberta: sua mulher está grávida. Pressionada, contou para o marido que ficou muito tempo na banheira de hidromassagem do hotel e, como ela não havia sido limpa corretamente, acabou ficando grávida. “Havia” esperma na banheira.

A advogada Lu Lage, de Belo Horizonte, revelou a história nas redes sociais por intermédio de um vídeo. O casal procurou apoio de um escritório de advocacia para processar o hotel. A história acabou viralizando e chegou aos jornais. “Fui procurada pelo marido que me solicitou consultoria jurídica para lidar com o caso e revoltado com a situação queria que eu ajuizasse uma ação para processar um hotel de luxo no Rio de Janeiro, alegando ele que ao retornar para casa após uma longa viagem a negócios na Europa, se deparou com a esposa grávida. Bravo, chegou a tirar satisfação e disse que a mulher jurou que a única coisa que fez foi viajar até o Rio para passear, tendo se hospedado no tal hotel cinco estrelas e usou inúmeras vezes a banheira de hidromassagem e que essa era única explicação”, contou Lu Lage.

Uma história e tanto, menos para jornais e muito mais para um escritor do porte de Henry James ou para um diretor de cinema como George Cukor.

Lu Lage relata que o marido queria receber “uma indenização do hotel cobrando valores por danos psicológicos causados à esposa em reparação ao que aconteceu nas dependências do estabelecimento, e que o hotel” arcasse “com todos os custos da criança”, como “punição pela irresponsabilidade em não esterilizar a banheira de hidromassagem de maneira adequada”.

Porém, ao ouvir a esposa, Lu Lage apurou outra história, mais realista. Ela contou que, ao pegar seu carro, foi agarrada por um homem e estuprada. Porém, como o marido é ciumento e explosivo, decidiu contar a história da banheira “suja”.

A mulher contou à advogada que, “por vergonha”, não teve coragem denunciar o caso de estupro à política. Ela, segundo a advogada, “deseja tirar o filho, porque o rapaz que a estuprou é negro, ela é loira e o marido é branco também”.

Ao ouvir que a mulher foi estuprada, o marido chorou muito. Ele disse à advogada que entende o fato de a mulher ter inventado a história da banheira, pois quis “poupá-lo”. A advogada explicou ao casal sobre os trâmites para “conseguir uma autorização para um aborto”. O marido frisou que, “por ele”, ficará com a criança. Mas sua mulher não quer.

13 respostas para “Mulher casada diz que engravidou em banheira e decide processar hotel. Confira a reviravolta”

  1. Avatar Aparecido Quesada disse:

    Outro desfecho ela assumiu a traiçao e ele aceitou ela e o filho já que não podia ter filhos

  2. Avatar Henrique disse:

    Kkkkkkk o pior cego é aquele que não quer enxergar .
    Tô passado. 😨

  3. Avatar Andreia Cristina moresco Wilke disse:

    Hahaha eu creio que foi das vibrações que a banheira de hidromassagem faz com certeza 😂😂😂😂😂

  4. Avatar Luciano disse:

    Esperma não vive na água, paea usar a banheira tem que encher ou pelo menos um pouco de água, hotel deve entrar com representação na OAB contra a advogada e processar também o casal por fazer a justiça ordem tempo

  5. Avatar Maria Francisca disse:

    Absurdo imagina se foi estrupada e nada comentou que história mal contada.
    Ela o traiu isso é fato.
    Agora está contando história acredita quem quer.

  6. Avatar Paulo Henrique disse:

    Gente isso tudo e armação de ambos tanto ele quanto ela estão de acordo já que ele pelo que parece e camara de ar furada …. resumindo corno consensual…

  7. Avatar Jodalva disse:

    É muito estranho essa história, pois ela engravidou, esperou seis meses ,para o esposo voltar, com o bucho cheio?.Sou mulher ,mas, não tem como acreditar nessa história, primeiro ,no ato do estupro ao menos um médico deveria ser procurado por causas das DSTS.

  8. Avatar Josiel Antônio Da Silva disse:

    Ele acreditou em duas mentiras seguidas kkkkkkkk coitado abre os olhos da próxima vez que for viajar a trabalho o tal suposto estrupador vai pular a janela da casa o golpe tá aí cai quem quer

  9. Avatar Jefferson disse:

    História furada slk é um manso mesmo…

  10. Avatar Maria disse:

    Essa mulher é muito mentirosa,pq se foi estrupada,pq não foi registrar um boletim de ocorrência é fazer um exame de corpo é de delito.ela passou foi 6 meses namorado com outro é o corno trabalhado, é ainda acredita nessa história que ela contou.e gostar de ser corno mesmo.

  11. Avatar Alberto Wachtler disse:

    Depois que Deus concebeu Jesus Cristo em Maria, tem gente que quer explorar o fato

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.