Quadrilha que furtava motos da PRF em Anápolis e publicava fotos nas redes é denunciada

Integrantes da organização criminosa vão responder por tentativa de furto, furto qualificado e formação de quadrilha

moto destaque

Motos estacionadas no pátio da PRF em Anápolis eram furtadas | Foto: Reprodução

Uma quadrilha especializada em furtar motocicletas apreendidas no pátio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), localizado na BR-060, no KM-90, foi denunciada pelo Ministério Público Federal em Anápolis (MPF). Além das ações criminosas, o grupo exibia, em um rede social, fotos dos veículos.

O grupo era formado por João Bosco da Cunha, Paulo Roberto Queiroz, João Anderson Pereira e um menor, ainda não identificado. Segundo a denúncia, em outubro do ano passado, João Bosco foi preso em flagrante por agentes da própria PRF tentando furtar motocicletas apreendidas que estavam depositadas no pátio da instituição. Na ocasião, ele estava acompanhado do menor, que conseguiu fugir.

Na ocasião, João Bosco confessou que aquela não era a primeira vez em que agiam e que, dias antes, haviam entrado no local e furtado três motocicletas e quatro rodas de um veículo GM Corsa.

Durante as investigações, foi comprovado que os outros integrantes eram induzidos por João Bosco a praticarem mais furtos de motocicletas e peças de automóveis. A ousadia ia além dos furtos, e o grupo chegava a exibir, em uma rede social, fotos das motocicletas.

Ainda de acordo com a denúncia, João Bosco e o menor responderão pela tentativa de furto, furto qualificado, formação de quadrilha. Já Paulo Roberto e João Anderson devem responder pelos crimes de receptação e também por formação de quadrilha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.