Mobilização que pede Iris candidato tem início em Goiânia

Militância do PMDB se reúne no escritório político do decano para “exigir” que ele desista de sua recém-anunciada aposentadoria

Este slideshow necessita de JavaScript.

Teve início às 15 horas desta sexta-feira (15/7) a mobilização que pede o fim da recém-anunciada aposentadoria política de Iris Rezende (PMDB), “exigindo” que o decano reveja seu posicionamento e saia candidato a prefeito de Goiânia em 2016.

O evento ocorre no escritório político de Iris, na Avenida T-9, no Setor Marista, e conta com a participação de aliados políticos, parlamentares e filiados do PMDB, além da militância do partido na capital e no interior.

Neste momento, parte da executiva estadual da legenda está reunida com o ex-governador em uma das salas de seu escritório para discutir o atual cenário, enquanto uma pequena multidão se forma do lado de fora.

Um palco improvisado foi montado no local e há expectativa para que Iris volte atrás em sua decisão de abandonar a disputa eleitoral. Caso o cenário se mantenha, o PMDB pode, ainda, oficializar nesta sexta novos nomes para a disputa. Os preferidos são o vice-prefeito Agenor Mariano e os deputados estaduais José Nelto e Bruno Peixoto.

Deixe um comentário