Marconi viabiliza verba para obra em Novo Gama

Governador atuou junto à União para conseguir a liberação de verba de R$ 5,5 milhões

Divulgação

O governador Marconi Perillo (PSDB) vistoriou as obras de contenção da erosão do Setor Lago Azul, em Novo Gama, no Entorno do Distrito Federal, na manhã desta terça-feira (25). Com recursos de R$ 5,5 milhões, liberados pelo governo Federal, pelo empenho do governador, do senador Wilder Morais e de deputados da região, a Prefeitura de Novo Gama iniciou na semana passada as obras de contenção do “buracão” do Lago Azul, como é conhecido, que consiste em compactar e restaurar o solo, recuperar a nascente do Ribeirão São Sebastião e reflorestar a área. A previsão é de que os serviços sejam concluídos em 90 dias.

Marconi atuou, pessoalmente, junto ao Governo Federal, para conseguir a liberação da verba de R$ 5,5 milhões, liberada pelo Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, que acompanhou o governador na vistoria da obra. “Essa erosão é um problema que existe há anos, que estava derrubando casas e comprometendo o futuro dos moradores do bairro. Pelo que constatei, a obra está a pleno vapor”, disse o governador ao comentar que, antes de chegar ao município, vistoriou também a construção do asfalto da rodovia que liga Novo Gama a Luziânia, “que deverá ser entregue nos próximos três a quatro meses”.

Ele agradeceu o senador Wilder Morais e os deputados federais Alexandre Baldy e Célio Silveira, além do deputado estadual Diego Sorgatto, e à prefeita de Novo Gama, Sônia Chaves, que participaram da vistoria, pelo empenho junto ao ministro Helder Barbalho para a liberação do dinheiro. “Sem o apoio do governador, do senador e dos deputados, essa obra não estaria sendo realizada. Nós não estamos aqui para olhar no retrovisor, mas para olhar para frente. Nós queremos avançar”, declarou Sônia Chaves, que ressaltou ainda a importância do programa Goiás na Frente para Novo Gama. “Nós estamos assinando convênio de R$ 7 milhões com o governador Marconi Perillo para investirmos em pavimentação urbana”, afirmou.

Ao comentar sobre a obra em Novo Gama, o ministro Helder Barbalho ressaltou a importância da parceria entre as três esferas de governo. “O presidente Michel Temer tem pedido para encontrarmos soluções para o Brasil por meio do diálogo franco e aberto, ou seja, através das parcerias”. Ele complementou dizendo que “o dinheiro está garantido porque o empenho já foi publicado no Diário Oficial da União”. O senador Wilder Morais lembrou que Novo Gama receberá, por meio da parceria, R$ 28 milhões “que serão aplicados em inúmeras obras que vão trazer conforto e segurança aos moradores da cidade”.

Diego Sorgatto, que é um dos representantes dos moradores do Entorno do Distrito Federal na Assembleia Legislativa, pontuou que “todos os moradores da região serão beneficiados pela obra na erosão do Lago Azul”, e agradeceu o governador por sua atuação junto ao Governo Federal. “O governador foi decisivo porque ele se empenhou pessoalmente para conseguir a verba. Ele tem demonstrado grande preocupação com o Entorno e sua administração municipalista tem trazido avanço para todos os 246 municípios goianos”.

Moradora de Novo Gama, Zélia Marques, que acompanhou a comitiva do governador, agradeceu a gestão estadual pela atenção à cidade. “Marconi e Sônia são pessoas comprometidas. Sempre terão meu apoio”. Neide da Conceição, também de Novo Gama, disse que sua principal preocupação é com a segurança. “Eu tinha medo de um filho meu cair nesse buraco imenso, mas agora, com essa obra, eu vou ter mais paz e acredito que os imóveis até vão ficar mais valorizados”. Ao encerrar a visita ao município, Marconi pontuou que as obras que estão sendo financiadas pelo Governo de Goiás no interior só foram possíveis porque o seu governo colocou em prática “um pacote de austeridade e, quando trabalhamos com planejamento e seriedade, as coisas acontecem”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.