Marconi libera R$ 1 milhão para retomada de obras de hospital municipal em Joviânia

Além de valor para dar sequência à construção, R$ 2,8 milhões irão para casas populares

Foto: Humberto Silva

A cidade de Joviânia recebeu o governador Marconi Perillo nesta terça-feira (1º), que assinou o convênio do programa com o prefeito Max Pereira (PSDB), no valor de R$ 1 milhão e autorizou a liberação de R$ 2,8 milhões para a construção de casas populares, por meio da Agência Goiânia de Habitação (Agehab).

Além disso, ao contrário da maioria dos municípios, que tem utilizado os recursos do convênio do programa Goiás na Frente para obras de infraestrutura, principalmente recuperação da malha viária urbana, a cidade de Joviânia, na região Sul de Goiás, vai usar a sua parcela, no valor de R$ 1,6 milhão – R$ 1 milhão do Goiás na Frente e R$ 600 mil de emenda do deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti – para dar sequência às obras de construção do Hospital Municipal.

Em resposta à solicitação do prefeito no sentido de que a Agetop realize a reconstrução das GOs 320 e 040, que servem Joviânia e região, o governador Marconi Perillo informou que já dispõe dos recursos para realizar a obra. “Já conseguimos o dinheiro, por intermédio da Caixa Econômica Federal, para a reconstrução do trecho Bom Jesus-Joviânia-São Domingos e também para a reconstrução do trevo até Aloândia e de lá até Pontalina”, anunciou.

Caravana

Na segunda cidade do dia do roteiro da caravana do Goiás na Frente, Aloândia, o governador  e o vice-governador José Eliton assinaram convênio de R$ 1 milhão com o prefeito Sinomar José do Carmo (PMDB), o Prainha, para investimentos em pavimentação urbana. O governador autorizou ainda a construção de 59 casas populares na cidade, no valor de R$ 3 milhões, por meio da Agência Goiana de Habitação (Agehab).

“Goiás na frente é um programa diferente. Enquanto que no Brasil há muita briga, aqui a gente faz um programa que beneficia a todos, com a participação de todos os prefeitos, sem discriminação política”, disse Marconi.

Por fim o governador destacou que os prefeitos são testemunhas de que o programa Goiás na Frente beneficia a todos, indistintamente. Também enfatizou que na próxima quinta-feira (3) o Estado vai pagar mais vinte prefeituras. Sobre o pedido da quadra para o colégio estadual, Marconi informou que em setembro será concluída a licitação.

Integraram a comitiva do Goiás na Frente a Aloândia, além do governador e do vice-governador, o presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti, os secretários Sérgio Cardoso (Articulação Política), João Gomes (Habitação), o deputado federal Marcos Abrão (PPS) e o presidente da Associação Goiana de Municípios (AGM), Paulo Sérgio de Rezende e os prefeitos de Edeia, Goiatuba, Vicentinópolis,Edealina, Bom Jesus e Cromínia.

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.