Líder do Governo, Bruno Peixoto confirma filiação ao União Brasil

A filiação cuja data não foi informada pelo parlamentar foi consolidada durante o período de janela partidária

O líder do governo na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), Bruno Peixoto, trocou o MDB pelo União Brasil, por onde é pré-candidato à reeleição pela sigla do governador Ronaldo Caiado (União Brasil). O abono à sua ficha aconteceu sem nenhuma grande cerimônia, ou pedido formal na Assembleia ou em evento com o governador.  

Segundo o parlamentar, ele já está filiado a sigla do governador, no entanto o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e no site da Alego a sua filiação ainda consta como ao MDB. Ele não pretende fazer um evento ou um grande anúncio de filiação à sigla. Ambas estão na base do Governo, uma conta com a filiação do governador e o MDB é dirigido pelo presidente do Diretório Regional do partido, Daniel Vilela, que é pré-candidato à vice-governadoria na mesma chapa.  

Havia a possibilidade de as siglas participarem de uma federação partidária a nível nacional. Ou seja, as duas siglas se uniriam pela validade pelos próximos quatro anos, cujas chapas deveriam contar com nomes das duas siglas para fechar o teto de postulantes da chapa (42). Ainda assim, o político que foi eleito pelo MDB nas eleições de 2018 apoiando o próprio governador Ronaldo Caiado, pretendia migrar para o União Brasil. “Vamos caminhar juntamente com o governador Ronaldo Caiado, apoiando na reeleição e no mesmo partido”, acrescentou o então emedebista.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.