Líder afirma que Governo do Estado trabalha para não precisar entrar no RRF

“Estamos buscando alternativas para não chegar a este ponto. (…) E trabalhando para não avançar em legislação que possa trazer prejuízo a Goiás, em especial, ao servidor público”, disse

Foto: Fábio Costa/Jornal Opção

O líder do Governo na Assembleia Legislativa de Goiás, deputado estadual Bruno Peixoto (MDB), disse que a administração estadual trabalha para que o Estado não tenha que enviar Leis à Casa que o habilite a aderir ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF).

“Não estamos debatendo nenhum critério a ser adotado pela recuperação fiscal, estamos buscando alternativas para que não chegue a este ponto”, disse. Segundo ele, a ideia é focar em busca de recursos federais e em leis como a enviada na terça-feira, 28, à Assembleia, que autoriza a utilização de 70% de depósitos judiciais para pagamento da Previdência de servidores e advogados dativos.

“Estamos trabalhando diuturnamente para que não haja avanço em legislação que possa trazer prejuízo ao Estado e, em especial, ao servidor público”, finalizou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.