Lêda Borges critica retirada de delegacia de Valparaíso

Parlamentar afirma que todas as cidades do Entorno têm sido preteridas em favor de um único município, Luziânia, que tem representantes da base governista

Lêda Borges critica o governo do Estado por “preferir” uma cidade do Entorno sobre as outras | Foto: Reprodução

A deputada estadual Lêda Borges criticou a retirada da delegacia Central de Flagrantes da cidade de Valparaíso, na tarde do dia 8, durante pronunciamento na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego). O município, localizado na região do Entorno do Distrito Federal (DF), ganhou a delegacia em 2000 por meio de decreto. 

“O governador retirou a Central de Flagrantes de Valparaíso, que é um município com 230 mil habitantes e encaminhou os delegados para Luziânia. Não podemos aceitar um decreto ser descumprido sem ter sido revogado”. 

Segundo a parlamentar, o governador Ronaldo Caiado (DEM) tem favorecido outro município do Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno: Luziânia. “Deixo externado meu repúdio porque as promessas feitas por esse governo eram de que iria olhar com muito carinho para toda a região do Entorno, mas isso não tem acontecido. Todos são igualmente importantes e merecem o devido respeito”, afirmou ela.

Segundo Leda Borges, o favorecimento de Luziânia acontece porque este é representado por um deputado da base governista, e tem ocorrido desmonte da segurança pública das demais cidades do Entorno em detrimento de um único município.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.