Justiça recusa pedido de vereador para ingressar em processo contra prefeitura de Senador Canedo

Desembargador Guilherme Gutemberg Isac Pinto indeferiu agravo de instrumento do parlamentar Leonardo Assunção

Leonardo Assunção (PL), vereador de Senador Canedo

O desembargador Guilherme Gutemberg Isac Pinto indeferiu, na tarde da última terça-feira (25), agravo de instrumento do vereador de Senador Canedo, Leonardo Assunção (PL), para ingressar como terceiro interessado no processo contra a prefeitura do município sobre uma possível irregularidade no contrato da Secretaria Municipal de Saúde com o Hospital de Senador Canedo

No início do ano, a prefeitura celebrou convênio com o hospital focado no atendimento aos pacientes com Covid-19. No entanto, o Ministério Público questiona a celebração do contrato com a unidade de saúde, que tem como proprietário Dr. Alsueres Mariano. O ex vice-prefeito de Senador Canedo responde a processos por improbidade administrativa, o que impediria o município de celebrar o convênio com o Hospital de Senador Canedo.

A decisão do desembargador é mais uma batalha na guerra entre o prefeito Fernando Pellozo (PSD) e vereadores do município. Em menos de quatro meses de mandato, o pessedista já viu os parlamentares acatarem cinco denúncias contra a atual gestão. Uma delas com base no contrato entre a prefeitura e o hospital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.