Instituto Lula é atingido por bomba e diz que foi “ataque político”

Segundo o PT, este é o terceiro ataque, apenas neste ano, a prédios ligados à legenda, em São Paulo

Foto: Camera de Segurança

Foto: Camera de Segurança

A sede do Instituto Lula, em São Paulo, foi alvo de um ataque com artefato explosivo caseiro, na noite da última quinta-feira (30/7), por volta das 22 horas. A informação foi confirmada pelo próprio instituto que leva o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Em nota, a instituição garantiu que a ação se tratou de um “ataque político”.

O objeto teria sido arremessado contra o prédio do instituto de dentro de um carro, sem deixar feridos. O incidente foi comunicado às polícia civil e militar, além do secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo e ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Conforme informações do Partido dos Trabalhadores, este é o terceiro ataque, apenas neste ano, a prédios ligados à legenda, em São Paulo.

No dia 26 de março, uma bomba caseira atingiu o Diretório Regional do PT no centro de São Paulo. Dez dias antes, o Diretório Regional de Jundiaí também foi atacado por vândalos com um coquetel molotov.

O ataque ao Instituto Lula repercutiu nas redes sociais e chegou a figurar entre os assuntos mais comentados no Twitter.

Confira a íntegra da nota divulgada pelo Instituto Lula:

Ataque político ao Instituto Lula
São Paulo, 31 de julho de 2015,

Por volta das 22h desta quinta-feira (30), a sede do Instituto Lula, em São Paulo, foi alvo de um ataque político com artefato explosivo. O objeto foi arremessado contra o prédio do Instituto de dentro de um carro. Felizmente, não houve feridos.

O Instituto Lula já comunicou as polícias civil e militar, o secretário de Segurança Pública do Estado de S.Paulo e o ministro da Justiça, e espera que os responsáveis sejam identificados e punidos.

Instituto Lula

Deixe um comentário