Incomodado com latidos, homem corta patas de cachorro e o deixa agonizar

Sandro Pereira de Melo confessou à polícia que mutilou animal com um podão, caso aconteceu no interior de Goiás

Foto: divulgação

A Polícia Civil identificou, na tarde desta segunda-feira (29/5), o autor da morte brutal de um cachorro no interior de Goiás. Sandro Pereira de Melo confessou ter cortado as duas patas dianteiras do animal e o deixado agonizar até a morte.

O crime aconteceu em março deste ano em um abrigo temporário de animais de Iporá (a 215 km de Goiânia), a Associação Vida, e foi motivado, segundo o próprio autor, porque este estava incomodado com os latidos.

Segundo o delegado Ramon Queiroz, responsável pelo caso, Melo confessou o crime e contou que mutilou o cão utilizando um podão; em seguida o jogou dentro do cercado onde ficam os animais resgatados. Ele relatou também que havia matado outro cachorro pouco tempo depois com uma paulada na cabeça.

O autor será indiciado pelo crime de mutilação e maus tratos de animais, previsto na Lei Ambiental. “No entanto, ele foi apenas conduzido. Como a pena é muito pequena, foi ouvido e liberado. Responderá em liberdade”, explicou o delegado.

O autor do crime e a arma usada para mutilar o cachorro | Fotos: PC

 

8 respostas para “Incomodado com latidos, homem corta patas de cachorro e o deixa agonizar”

  1. Marlize disse:

    Filho do capeta…tomara que teu pai venha te buscar para morar no inferno!!

  2. Cristina Almeida disse:

    Alguém deveria mutilar esse demônio

  3. Cris disse:

    “A pena foi mto pequena” ?????? Peraí, EU NÃO LI ISSO.
    Se for assim, já q esse DESGRAÇADO vai permanecer pelas ruas, vamos mutilá-lo tbm, pq não haverá pena pra nós, já q se trata de um caso qlq, não é?
    Maldito, já q vai continuar solto, então q daqui pra frente sua vida seja um VERDADEIRO INFERNO. Espero q seja reconhecido pela população e seja LINXADOOOO até morrer.

  4. Renato disse:

    Desgraçado…vocês aí da cidade vão deixar um jagunço desse á solta? Peguem ele de enxada. Não pode ficar asism impune, sem ao menos reparar os danos da ONG/Protetores financeiramente…

  5. Marisa disse:

    Desgraçado fdp!! Alguém macho o suficiente em Iporá para fazer um favor à humanidade e acabar com este vagabundo?

  6. Sérgio Prado disse:

    Caramba é cada comentário esquisito! mutilar uma pessoa por ter mutilado um animal? o cidadão cometeu o crime e vai pagar por isso, agora desejar a mutilação ou morte de uma pessoa por causa de um cachorro? meu Deus!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.