Incêndio em Centro de Internação Provisória deixa 9 mortos em Goiânia

Conforme informações preliminares, próprios internos teriam dado início às chamas durante rebelião

Foto: Nathan Sampaio/Jornal Opção

Incêndio em uma cela do Centro de Internação Provisória (CIP) no Sétimo Batalhão da Polícia Militar, no Jardim Europa, em Goiânia, deixou ao menos novos mortos e vários feridos na manhã desta sexta-feira (25/5).

O Corpo de Bombeiros não divulgou a causa do incêndio. Segundo informações preliminares, os próprios internos teriam dado início às chamas durante uma suposta tentativa de rebelião. O incêndio já foi extinto.

Em nota, a assessoria de imprensa da Secretaria da Mulher, Desenvolvimento Social, Igualdade Racial, Direitos Humanos e do Trabalho (Secretaria Cidadã), responsável pelo CIP, negou que houve rebelião, mas não deu mais detalhes sobre o incêndio.

A secretaria disse que só vai passar mais informações sobre os prejuízos e providências que serão tomadas no local após o trabalho dos Bombeiros e da Polícia Militar.

O governador José Eliton (PSDB), que está em Cuiabá para participar de reunião do Fórum dos Governadores do Brasil Central, informou que retornará de imediato a Goiânia por conta da tragédia.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.