Humorista Mendigo tem prisão decretada após dívida de pensão

Segundo informações repassadas a imprensa, o artista Carlos Alberto da Silva deve mais de R$ 90 mil em pensão alimentícia atrasada

A Justiça de São Paulo decretou a prisão temporária do humorista Carlos Alberto da Silva, de 42 anos, conhecido como Carlinhos Mendigo, por uma dívida – de mais de R$ 90 mil – referente à pensão alimentícia que deve ao filho de 10 anos, de sua relação com a ex-assistente de palco do programa do Gugu e empresária Aline Hauck, de 32.

A informação do decreto de prisão foi confirmada por Betânia Costa, advogada de Aline. “Foi decretada, sim, a prisão por débito de alimentos”, disse a profissional. Segundo o G1 São Paulo, o mandado de prisão contra Carlinhos Silva – que ficou conhecido após trabalhar no programas da Jovem Pan e no Pânico na TV, onde fez o personagem Mendigo – foi decretado na última quinta-feira, 3, pela juíza Luciana Simon de Paula Leite, da 5ª Vara da Família e Sucessões do Foro Regional 1 de Santana, na Zona Norte da capital paulista. A dívida se refere ao período de dezembro de 2017 até 2019.

A Polícia Civil chegou a procurar o artista no endereço que ele informou para cumprir a prisão, mas ele não foi encontrado na cobertura que morava na região do Morumbi.

Ainda de acordo com o G1, em fevereiro do ano passado, o valor total acumulado da pensão alimentícia que Carlinhos deixou de pagar ao filho era de R$ 91.882,00. Mas esse montante terá de ser atualizado e corrigido pela inflação quando for pago.

Somados todos os problemas judiciais que envolvem Carlinhos Mendigo, o humorista tem uma dívida de mais de R$ 600 mil, se for corrigido pela inflação em 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.