Homem é morto por espancamento em Aparecida de Goiânia

Polícia Civil confirma que vítima era usuária de drogas. Crime ocorreu por volta das 3 horas da manhã

A Polícia Civil investiga o assassinato de um homem de cerca de 30 anos ocorrido na madrugada desta quinta-feira (20/10) no Jardim Miramar, em Aparecida de Goiânia. A vítima foi encontrada com marcas de diversos golpes, principalmente na cabeça.

Segundo informações preliminares tanto o homem que morreu, quanto sua companheira, que também estava no local no momento do assassinato, eram usuários de drogas e teriam, inclusive, acabado de sair de uma boca de fumo nas proximidades. A linha de investigação é que o crime tenha ocorrido por brigas relacionadas ao tráfico.

Informações da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência, dão conta de que o homem e sua companheira estavam com uma bomba de água, a qual teriam tentado usar como instrumento de troca por drogas na boca de fumo. Eles teriam sido perseguidos e a bomba teria sido usada pelos agressores para desferir os golpes contra a vítima. A Polícia Civil não confirmou a informação.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), onde a perícia tentará identificar o objeto utilizado para matar a vítima. A investigação é conduzida pelo delegado Rodrigo Pereira, do Grupo de Investigação de Homicídios de Aparecida de Goiânia.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.