Grupo de trabalho é montado para discutir Plano Diretor de Goiânia

Foram seis parlamentares indicados para as discussões pela Câmara Municipal de Vereadores de Goiânia

Grupo ainda não se reuniu com o prefeito Rogério Cruz| Foto: Divulgação

O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), criou um grupo de trabalho para discutir o Plano Diretor do município. O grupo conta com seis vereadores, quatro deles indicados pela Câmara: Bruno Diniz (PRTB), Cabo Senna (Patriota), Sabrina Garcêz (PSD) e Santana Gomes (PRTB). Os outros dois: Anselmo Pereira (MDB) e Clécio Alves (MDB), foram indicados pelo presidente da Câmara, Romário Policarpo, para integrar o Conselho de Políticas Urbanas do Município.

O vereador Cabo Senna é um dos legisladores que tem experiência na discussão do Plano Diretor da capital. Em 2020, o vereador também foi indicado para a discussão e participou de todas as reuniões. Entretanto, neste ano, ainda não tratou do assunto com o prefeito Rogério Cruz. 

“Eu não cheguei a falar com o prefeito. O grupo de trabalho é montado pela Câmara Municipal, ele abre o grupo e a Câmara indica alguns vereadores. No ano passado eu também fui indicado, participei de todas as reuniões, mas agora nós não conversamos com o prefeito”, explicou o vereador.

Setor imobiliário

As entidades do mercado imobiliário foram convidadas pela Seplam a participar das discussões acerca do Plano Diretor da capital. Foram indicados dois técnicos atuantes no mercado imobiliário para contribuir na discussão das emendas que foram realizadas nas discussões do ano passado. O superintendente do Sindicato dos Condomínios e Imobiliárias (Secovi Goiás), Francisco Lopes, falou ao Jornal Opção, sobre a participação da entidade nas discussões.

“Acredito eu que a finalidade do grupo que está sendo proposto não é criar um novo Plano Diretor, é analisar o que foi apresentado no ano passado e averiguar. A nossa contribuição será auxiliar esse processo com a nossa experiência de operadores de mercado.”

Segundo o presidente do Secovi, o intuito da entidade é pensar o Plano Diretor como um todo. “Tudo que a gente pensa na cidade esse Plano Diretor traça, então nós temos essa visão coletiva para discutir”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.