Governo de Goiás decreta estado de emergência devido a protestos

Medida intensifica escolta de combustíveis e de materiais para as áreas saúde e segurança pública, prioritariamente

Foto: Nathan Sampaio/Jornal Opção

O governador José Eliton (PSDB) informou neste sábado (26/5) que irá editar decreto que coloca Goiás em estado de emergência devido aos protestos de caminhoneiros nas rodovias goianas.

O anúncio ocorreu após reunião com auxiliares de governo, presidentes e representantes dos poderes Judiciário e Legislativo, Ministério Público, Polícia Rodoviária Federal, Forças Armadas e Infraero para avaliação dos impactos do movimento grevista dos caminhoneiros em Goiás.

Em pronunciamento, o governador mostrou preocupação com a possibilidade de desabastecimento de insumos hospitalares nas unidades do interior e da falta de combustível em todo o Estado.

Foto: Nathan Sampaio

Com o decreto, o governo pretende garantir a entrega dos materiais, intensificando a escolta de combustíveis e de materiais para as áreas de saúde e segurança pública, prioritariamente.

Para tanto, o documento determina a utilização das forças de segurança do Estado “para o apoio e a circulação dos meios de transporte necessários à distribuição de gêneros de primeira necessidade e a prestação de serviços essenciais”.

O texto também prevê a possibilidade de requisição de materiais de propriedade particular e estabelece esquema de plantão permanente de todas as forças de segurança do Estado, inclusive, com a suspensão de férias.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.