Governador em exercício, José Vitti vistoria ETA Mauro Borges antes do início do funcionamento

Operação da Estação de Tratamento de Água foi antecipada perante o déficit de abastecimento causado pelo longo período de seca

Governador em exercício faz vistoria na ETA Mauro Borges antes do início do funcionamento | Foto: Reproduçãpo

O governador em exercício, José Vitti (PSDB), esteve na manhã desta sexta-feira (8/9) vistoriando a Estação de Tratamento de Água (ETA) Mauro Borges, que iniciará o funcionamento neste sábado, (9/9), para reforçar o abastecimento de água em Goiânia e Região Metropolitana.

Acompanhado pelo presidente da Saneago, Jalles Fontoura, Vitti percorreu hoje as instalações da nova ETA, cuja inauguração estava prevista para ocorrer no próximo dia 19. A antecipação foi determinada para atender ao déficit no abastecimento causado pelo longo período de estiagem.

De acordo com Vitti, o funcionamento da ETA deve normalizar em breve o abastecimento na Capital. Fato que, segundo ele, não diminui a responsabilidade da sociedade em relação ao consumo consciente dos recursos hídricos. “É uma mudança de postura de nós, cidadãos, mudança de postura daqueles que trabalham no agronegócio. Já conversamos tanto na Secima [Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos], quanto na Delegacia do Meio Ambiente para que possamos ter ações fiscalizatórias mais efetivas e que gerassem resultados”, ressaltou.

Vitti vistoriou o laboratório da ETA, onde é medida a qualidade da água bruta captada e também de todas as fases do processo de potabilidade da água. Em seguida, foi levado para conhecer os tanques com várias fases de tratamento.

“É uma obra muito grande, referência de engenharia. É um investimento grandioso, uma das maiores obras do Estado”, afirmou José Vitti, que mais cedo comandou reunião no Palácio Pedro Ludovico Teixeira com o presidente Jalles Fontoura e com diretores da Saneago para discutir ações para amenizar os impactos da estiagem na Grande Goiânia.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.