Goiânia tem pontos de arrecadações de alimentos para vítimas de Brumadinho

Autoridades já confirmaram 11 mortes e ainda há 196 pessoas desaparecidas

Foto: Agência Brasil

Goiânia tem alguns pontos de arrecadação de alimentos e mantimentos para enviar às famílias vítimas do rompimento da barragem da mineradora Vale em Brumadinho, em Minas Gerais. Até o momento o Corpo de Bombeiros encontrou 11 corpos e há 196 pessoas desaparecidas. A tragédia ocorreu nesta sexta-feira, 25.

Pontos de arrecadação: 

  • SAC – Serviço de Atendimento ao Consumidor – Buriti Shopping – Piso térreo, em frente a Drogasil. A coleta é feita de segunda à sábado, de 10 às 22 horas, e aos domingos de 11 às 22 horas.
  • Faculdade de Engenharia da UFG – A partir das 8h – Avenida Universitária, Quadra 86, Lote Área, 1488 – Setor Leste Universitário, Goiânia – GO, 74605-220

Tragédia

O rompimento da barragem de rejeitos B1 ocorreu no início da tarde de ontem (25), na Mina Córrego do Feijão. A quantidade de rejeito acumulada na estrutura fez com que uma outra barragem transbordasse. A lama atingiu uma área administrativa da companhia e parte da comunidade de Vila Ferteco.

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais registrou, até o início da madrugada de hoje, nove mortes após o rompimento da barragem. O último balanço da corporação aponta ainda o resgate de nove pessoas com vida da lama de rejeitos e de cerca de 100 pessoas que estavam ilhadas.

Zema sobrevoou mais cedo a área atingida pelos rejeitos da barragem, acompanhado do presidente Jair Bolsonaro que, segundo ele, prometeu todo apoio da União a Minas Gerais. Ainda no Twitter, o governador agradeceu a solidariedade e a ajuda ao povo mineiro e disse que todas as providências em relação à tragédia serão tomadas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.