Garoto perde dedo em ataque de piranha em Buriti Alegre

Desde 2019, seis casos de ataques por piranhas foram registrados no Lago das Brisas, ponto turístico de Buriti Alegre

“Vi o pé dele e fiquei muito desesperado. Não sabia o que fazer”, disse irmão da vítima | Foto: Reprodução/WikimediaCommons

Neste sábado, 1, no ponto turístico Lago das Brisas, em Buriti Alegre, sul de Goiás, um ataque de piranhas fez com que um garoto de 10 anos perdesse um dedo do pé. A criança foi socorrida às pressas na Santa Casa de Buriti Alegre, e, depois de transferida para Instituto Ortopédico de Goiânia (IOG), precisou ter o dedo mindinho do pé direito amputado. O garoto já recebeu alta e passa bem. 

Em entrevista ao repórter Thalys Alcântara, do jornal Metrópoles, o irmão mais velho da vítima, Eduardo, de 13 anos, contou o que se lembra de ter visto: “Na hora que eu estava saindo da água, ele gritou. No começo foi apenas um susto, mas logo em seguida ele começou a gritar muito alto e chorar de dor. Quando ele saiu da água, vi o pé dele e fiquei muito desesperado. Não sabia o que fazer.” Desde 2019, seis casos de ataques por piranhas foram registrados no Lago das Brisas. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.