Francisco Jr. propõe reduzir valor da passagem do transporte coletivo com receitas do trânsito

Candidato do PSD pretende utilizar recursos de multas, estacionamentos públicos e publicidade para financiar gestão do transporte

Francisco Jr. | Foto: Rafael Batista

Francisco Jr. | Foto: Rafael Batista

Candidato do PSD à prefeitura de Goiânia, Francisco Jr. (PSD), afirmou, durante programa eleitoral, que é possível garantir maior qualidade e até a redução da passagem do transporte coletivo na capital.

“O transporte não é um negócio que tem que dar lucro. Ao contrário, tem que servir à população. É um direito que você tem. E para servir bem são necessários quatro pontos: pontualidade, segurança, conforto e um valor da passagem mais baixo, mais acessível”, afirmou.

Assim como propôs durante entrevista ao Jornal Opção no começo da campanha eleitoral, o plano do pessedista prevê que as receitas do trânsito, como as multas e novos estacionamentos na cidade (que ele pretende criar), bem como a receita da publicidade nos pontos de ônibus, vão subsidiar o transporte coletivo, reduzindo o valor da passagem.

“Vou abaixar o preço para aumentar o número de gente que anda de ônibus. E farei isso usando dinheiro dos estacionamentos que vou criar. E também vou unir transporte e trânsito para usar a receita do trânsito, essa quantidade de multa que ninguém sabe pra onde vai esse dinheiro. Vou usar isso na melhoria do transporte, na infraestrutura da cidade”, garante.

Para o candidato, a prefeitura deve assumir a responsabilidade e a gestão do transporte. “Há mais de 30 anos é do mesmo jeito. Mas é preciso criatividade, ousadia e coragem para mudar. E eu vou fazer isso. Essa mudança deverá passar pelo rompimento dos contratos sim, criando um modelo novo, em que os eixos de transporte, os corredores, serão prioritários. Faltam 12 para implantar em Goiânia, mas será feito”, diz.

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.