Francisco Jr. e Vanderlan trabalham para convencer Lissauer a se filiar ao PSD, mesmo ele não sendo candidato

Reunião entre os deputados estadual, federal e o senador deve ocorrer nesta segunda-feira, 14, para que convite à legenda seja reforçado

Ao Jornal Opção, o presidente do PSD em Goiás, Wilmar Rocha, revelou que, na próxima segunda-feira, 14, o deputado federal Francisco Jr. (PSD) e o senador Vanderlan Cardoso (PSD) irão visitar o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego), Lissauer Vieira. O objetivo da reunião é convencer o parlamentar estadual a ingressar ao partido pessedista.

“O convite [a Lissauer] ao PSD está aberto e vamos reforçar que ele se filie, mesmo que ele não vá se candidatar a deputado federal”, disse Rocha. O recuo de Lissauer à disputa por uma cadeira na Câmara dos Deputados foi oficializado após uma reunião do presidente da Alego com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil), que ocorreu nesta quinta-feira, 10.

A desistência da campanha para deputado federal se deu, principalmente, para que Lissauer aceite a indicação a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Inclusive, no encontro com Caiado, Lissauer reafirmou seu apoio reeleição do governador e estabeleceu que sua indicação para o TCE só deverá ocorrer após as eleições, em outubro.

Quanto a reunião de segunda-feira com os políticos pessedistas, quem também confirmou o encontro ao Jornal Opção foi o próprio deputado federal Francisco Jr. “O PSD quer muito ele no partido”, reforçou o parlamentar, que também não deixou de destacar a força política que Lissauer representa no estado de Goiás.

Tanto Wilmar, quanto Francisco Jr., no entanto, reforçaram que o encontro também será para prestar apoio ao presidente da Alego, que perdeu o pai, Carlos Vieira, no dia 21 de fevereiro. O pai do parlamentar tinha 81 anos se encontrava internado no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, para tratar uma infecção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.