Focos de incêndio insistem no Parque Altamiro de Moura Pacheco

Chamas na unidade de conservação do estado se iniciaram na última sexta-feira. Corpo de Bombeiros faz monitoramento em sobrevoo nesta segunda-feira 

Fotos: Marcello Dantas

Continua o trabalho de monitoramento do Corpo de Bombeiros na manhã desta segunda-feira (21) para controlar possíveis focos do incêndio que atinge o Parque Estadual Altamiro de Moura Pacheco (PEAMP) desde a última sexta-feira (18).

O grande desafio é evitar que a queimada atinja a área de preservação do Reservatório João Leite. Segundo o coordenador de operações do Corpo de Bombeiros, capitão Edmundo Henrique, nesta manhã um helicóptero da corporação faz sobrevoo na região. Mais três viaturas fazem o controle por terra.

“Devido ao difícil acesso em alguns trechos do parque precisamos ir por cima. Ainda existem focos. O trabalho foi intenso ontem à noite, mas a queimada está praticamente extinta”, disse o coordenador.

Durante a tarde de ontem, um helicóptero fez diversos voos coletando água do João Leite para apagar as chamas. Ainda não se sabe qual a proporção do estrago na área de 3.183 hectares da unidade de conservação, administrada pelo governo estadual.

Desde o início, as chamas levantaram espessa fumaça que, durante a noite, prejudicava a visão dos motoristas que trafegavam nos dois sentidos da BR-153.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.