Esmeralda baiana de meia tonelada quase é vendida em Minas Gerais

Empresário da Bahia queria vender a pedra para compradores do estado, mas o negócio não deu certo. O valor não foi divulgado

Uma esmeralda de 404,8 quilos, encontrada na Bahia em 2021, foi levada para a capital mineira, Belo Horizonte (MG) para que pudesse ser vendida, nesta segunda-feira, 16. A pedra pertence a um empresário baiano e, agora, deverá retornar ao Nordeste. O nome do homem não foi divulgado.

O advogado, Flávio Otero, afirmou que “havia uma negociação em curso, mas acabou não dando frutos”. Segundo Otero, a esmeralda é uma “obra de arte da natureza, com relevância geológica”. A expectativa é que ela seja exposta no futuro.

Essa não foi a primeira esmeralda gigante encontrada em solo baiano. Em 2001, outra pedra de aproximadamente 400kg foi encontrada na Serra da Carnaíba e avaliada em cerca de US$ 400 milhões, equivalente a quase R$ 2 bilhões. Hoje, ela está nos Estados Unidos da América (EUA)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.