Em nova réplica, Caiado diz que Paulo Garcia é preguiçoso e rejeitado pelos goianienses

Troca de farpas continua e sem previsão de trégua. Senador goiano voltou a criticar atuação do prefeito petista: “Fica preso no gabinete com medo de andar pelas ruas”

Foto: Marcos Oliveira

Senador por Goiás, Ronaldo Caiado | Foto: Marcos Oliveira

O bate-boca entre o senador goiano Ronaldo Caiado (DEM) e o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), continua e sem previsão de trégua. Agora, foi a vez do parlamentar responder as últimas críticas do petista em entrevista ao Jornal Opção Online, na noite da última quinta-feira (9/8). Em nova réplica, o democrata voltou a chamar o gestor de “inoperante” e também de “preguiçoso”.

“Paulo Garcia, rejeitado pelos goianienses, fica preso no gabinete com medo de andar pelas ruas. […] Ele judia dos goianienses, que sonham em ver essa administração trágica passar. Preguiça e inoperância são suas características. Vá trabalhar nesse restante de mandato, Paulo Garcia”, alfinetou.

Caiado também fez questão de pontuar o que tem feito em prol da capital do Estado, em resposta à declaração de Paulo Garcia de que o senador “pode entender de fazenda, mas conhece muito pouco de Goiânia”. “É só ele visitar hospitais e entidades, como HC e Apaes, que ele vai ver um pouco do meu trabalho destinado a ajudar a população. Algo que Garcia não terá para mostrar no futuro.”

A confusão entre o prefeito petista e o senador começou quando Paulo Garcia afirmou ao Jornal Opção Online que Caiado deveria falar menos e trabalhar mais. Em réplica, o democrata debochou da administração municipal, chegando a dizer que aquele não teria “competência gerencial”. O petista, mais uma vez, fez valer seu direito de resposta e disse que a opinião do senador sobre ele teria “pouca valia”.

Na ocasião, Paulo Garcia enalteceu seu trabalho em frente ao Paço lembrando que é um dos cinco prefeitos brasileiros convidados para discutir sustentabilidade em um encontro no Vaticano. Caiado também comentou sobre a viagem do gestor: “O Papa Francisco tem um coração bom e jamais seria preconceituoso com um péssimo gestor. Que Garcia aprenda alguma coisa lá”.

“Falar em sustentabilidade é fazer piada com os goianienses. Lixo nas ruas, piscinão nas avenidas, obras inacabadas, ele encardiu nossa cidade. Garcia só é bom para autorizar a construção de grandes torres, sem análises de impacto ambiental e de trânsito, fruto do balcão de negócios pensando em ajudar seu partido em 2016”, completou o senador goiano.

A troca de farpas entre os políticos deixa ainda mais evidente o mal estar gerado pela aproximação entre PMDB e DEM, agora, também em nível municipal. No início dessa semana, uma reunião entre peemedebistas e o senador teria adiantado a possível aliança, que excluiria o partido de Paulo Garcia do sistema de dobradinha, adotada em eleições anteriores. Apesar de petistas negarem conhecer qualquer tratativa, o partido de Iris Rezende já deu sinais de que não possui o interesse de bancar a aliança com o prefeito de Goiânia.

3
Deixe um comentário

3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
Valter Souza

Caiado quem deu esse presente para Goiânia foi seu aliado Iris Rezende!

Mario Borges

Entre os mostos e feridos…escaparam todos

João Paulo Silveira

Que entrem um na cloaca do outro!