Em 2020, mais de 40% das compras do governo Bolsonaro foram efetuadas sem licitação

Por causa da pandemia de coronavírus, foram gastos R$ 8,8 bilhões na modalidade “dispensa de licitação” apenas na área da Saúde

Dados públicos mostram que em 2020 o governo de Jair Bolsonaro realizou uma série de compras sem processo de licitação. Em razão da pandemia de coronavírus — que demandou ações rápidas —, foram gastos R$ 8,8 bilhões na modalidade “dispensa de licitação” apenas na área da Saúde.

O Ministério da Educação ficou em segundo lugar nos gastos sem licitação, com R$1,9 bilhão.

Em terceiro lugar ficou o Ministério da Cidadania, com R$730 milhões gastos diretamente sem processo licitatório.

No total, o governo Bolsonaro gastou 13,3 bilhões de reais sem processo concorrencial. O valor, segundo os dados do próprio governo, representa 40% de todas as compras feitas pela máquina federal no ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.