Duas pessoas morreram afogadas em Goiás no mês de julho

Corpo de Bombeiros divulgou nesta segunda-feira balanço da Operação Férias Turista Seguro 2017. Confira os dados

Divulgação

O Corpo de Bombeiros Militar de Goiás divulgou nesta segunda-feira (31/7) balanço da Operação Férias Turista Seguro 2017. Segundo a corporação, foram registradas duas mortes por afogamento, uma na Chapada dos Veadeiros e outra em Crixás. No primeiro caso, a vítima acessou área não recomendada para banho e fora do alcance visual dos guardas vidas.

O Corpo de Bombeiros informou o registro de 1.428 atendimentos durante todo o mês de julho. A boa notícia é que cerca de 1.128 foram de ações preventivas. Foram registradas 199 ocorrências de resgate, 11 combates a incêndios, 89 buscas e salvamento e uma ocorrência relacionada a produtos perigosos.

O objetivo principal da Operação Férias Turista Seguro 2017 foi o de prevenir afogamentos nos principais balneários e pontos turísticos do Estado durante as férias.

A ação direta dos guarda-vidas empenhados na Operação Férias Turista Seguro 2017 salvou a vida de outras seis pessoas que estavam se afogando. Os bombeiros militares conseguiram retirá-las da água e prestaram os primeiros socorros.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.