Doria garante apoio a Marconi independente do cargo que ele dispute nas eleições de 2022

Ex-governador afirma que não apoiará outra candidatura à presidência que não a da sigla. PSDB, MDB e Cidadania decidiram indicar o nome da senadora Simone Tebet

Ex-governador de São Paulo e pré-candidato à Presidência do Brasil, João Doria (PSDB) disse que estará ao lado do ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), independente se ele escolher a disputa entre o Senado ou a gestão estadual para as eleições de 2022. A afirmação foi feita durante coletiva de imprensa nesta sexta-feira, 20, durante a visita ao Santuário da Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade. Para Doria, Marconi “é o grande líder do PSDB” no estado. Depois de cumprir agenda na cidade religiosa, a última visita do ex-governador de SP é em Goiânia, para um encontro com lideranças tucanas. 

Na ocasião, Marconi Perillo também chegou a declarar que apenas apoiará o candidato à presidência da República do PSDB. Doria foi escolhido durante prévias do partido, mas, se houver mudança, Marconi disse que não apoiará outra candidatura que não a da sigla. “Meu compromisso é com o PSDB”, informou o tucano. Nesta semana, os presidentes do PSDB, MDB e Cidadania decidiram indicar o nome da senadora Simone Tebet (MDB-MS) para a candidatura única da terceira via ao Palácio do Planalto. Apesar da escolha ainda precisar passar pelas executivas nacionais dos partidos, o lugar de Doria na disputa pode estar em jogo.

Em carta encaminhada nesta semana ao presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, Doria levantou a possibilidade de levar o caso à Justiça. A pré-candidatura dele já havia sido oficializada pelas previas do partido, que ocorreram em novembro de 2021. Por outro lado, segundo a cúpula que optou por Tebet como cabeça da chapa, a emedebista teria se saído melhor em pesquisa interna.

Pesquisa eleitoral divulgada nesta sexta-feira, 20, aponta que 38% dos entrevistados votam ou poderiam votar em João Doria para a presidência da República, segundo o Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe). Com isso, o desempenho do tucano é superior ao de Simone Tebet que registrou 17%, como mostram outras pesquisas anteriores. Para a mostra, foram ouvidas mil pessoas por telefone entre os dias 16 e 18 de maio. O levantamento deve ser usado como argumento de Doria para seguir na disputa pelo Palácio do Planalto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.