Dois policiais rodoviários são assassinados a tiros por homem em situação de rua em Fortaleza

Suspeito de atirar nos policiais foi morto a tiros por um militar que passava pelo local

Na manhã desta quarta-feira, 18, dois policiais rodoviários federais, Raimundo Bonifácio do Nascimento Filho, 43 anos, e Márcio Hélio Almeida de Sousa, 53 anos, foram mortos a tiros por um homem em situação de rua, em Fortaleza, capital do Ceará. O assassinato ocorreu em um trecho da BR-116. O autor dos disparos foi morto por um policial militar que passava pelo local.

Os policiais militares foram até o homem para tentar evitar um atropelamento, visto que ele perambulava entre os carros. Após ser abordado, o homem tomou a arma de um dos policiais e os matou. A motivação do crime é desconhecida. Segundo a PRF, a corporação continuará apurando o caso em conjunto com as demais forças de segurança responsáveis.

Raimundo estava na PRF há 17 anos e Márcio há 15. Atualmente, faziam parte do Comando de Operações Especiais da PRF. Raimundo era natural de Viçosa, Minas Gerais e já atuou no Maranhão, Roraima e Ceará pela corporação. Ele era casado e tinha duas filhas. Já Márcio, de Baturité, Ceará, atuou em Roraima e no estado natal. Ele era casado e tinha um filho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.