Diretores da Anvisa recebem e-mails ameaçando-os de morte por conta da possibilidade de aplicação da vacina em crianças

Cinco diretores da agência teriam recebido mensagens importunas; medidas cabíveis foram tomadas

Nesta sexta-feira, 29, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que cinco dos seus diretores receberam e-mails ameaçando-os de morte caso aprovem a aplicação da vacina contra Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos. Escolas do Paraná também teriam sido ameaçadas.

A agência disse que “medidas cabíveis” foram tomadas para essa situação. Na quarta-feira, 27, a Pfizer disse que iria pedir autorização para a Anvisa para iniciar a vacinação nessa faixa etária. Nos Estados Unidos, o laboratório já conseguiu essa autorização.

Leia a nota que a Anvisa lançou sobre o caso:

Os cinco diretores da Anvisa receberam, nesta quinta-feira, às 8h31, correspondência eletrônica (e-mail) com ameaças de morte na hipótese de eventual aprovação pela Anvisa de vacinas para crianças entre cinco a onze anos de idade.

Além dos diretores, também constam como alvo das citadas ameaças de morte instituições escolares do estado do Paraná.

Diante da gravidade do fato, a Anvisa informa que oficiou imediatamente às autoridades policiais e o Ministério Público, nos âmbitos Federal, Estadual e Distrital, entre outras, para adoção das medidas cabíveis.

(Com Estadão Conteúdo e Reuters)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.