Detento morre em Senador Canedo após “brincar de lutinha” com colega

Caso está sendo investigado pelo Grupo de Investigações de Homicídios (GIH)

Um detento lotado na cadeia pública de Senador Canedo, na Grande Goiânia, morreu na manhã da última segunda-feira (11) após supostamente participar de uma “brincadeira” com outro preso.

Segundo informações do Grupo de Investigações de Homicídios (GIH) repassadas ao Jornal Opção, a vítima “brincava de lutinha” com um colega quando passou mal e morreu. A versão foi apresentada pelo outro detento que participou da suposta brincadeira e também pelos demais presos.

O homem morreu antes que o Corpo de Bombeiros chegasse ao local. O GIH espera agora a conclusão do laudo cadavérico para averiguar se a morte foi motivada pela suposta brincadeira ou se foi de causas naturais.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.