Deltan Dallagnol pede exoneração do Ministério Público Federal

Procurador responsável pela Operação Lava Jato deixa Ministério Público e diz haver “retrocessos no combate à corrupção” 

Após 18 anos no Ministério Público Federal (MPF), o ex-coordenador da Operação Lava Jato Deltan Dallagnol anunciou, na última quinta-feira (4), que se desligou do MPF para se dedicar ao combate à corrupção.  

O anúncio foi confirmado pelo agora ex-procurador em suas redes sociais. Ele é sondado para entrar na política para se candidatar ao Senado Federal ou a Câmara Federal pelo estado do Paraná, onde sempre atuou e adotou um tom político em seu discurso, dizendo que “vai lutar para o combate à corrupção” e que, fora do MPF, ele terá “mais liberdade” para atuar nas causas que diz acreditar.  

“Eu tenho várias ideias sobre como eu posso contribuir com a sociedade no combate à corrupção e, fora do MPF, terei como refletir e orar sobre essas ideias”, disse Dallagnol.  

Desgaste 

Dallagnol ingressou na operação Lava Jato logo em primeiras fases, quando o então procurador-geral Rodrigo Janot decidiu formar uma força-tarefa para se dedicar exclusivamente ao caso, diante das dimensões das descobertas em andamento. 

A sua atuação ficou desgastada após o vazamento de conversas que o ex-procurador mantinha no aplicativo Telegram. Na época ele pediu desligamento dos trabalhos da operação, citando motivos familiares. 

Apesar das sondagens e do tom político, Deltan desconversa sobre a intenção de deixar o Ministério Público para entrar na política e seguir o caminho do ex-ministro da Justiça Sérgio Moro. O discurso, porém, é de que vai “trabalhar no combate à corrupção” e vai enfrentar o que chama de retrocesso que o país está sofrendo nos últimos anos.  

“A sensação é de que o que estamos fazendo está sendo desfeito e que a impunidade dá uma carta branca para quem nos rouba continue roubando e isso precisa parar”, anunciou.  

Uma resposta para “Deltan Dallagnol pede exoneração do Ministério Público Federal”

  1. Avatar ziro disse:

    Não vejo a hora de voltar nele. Esse é um herói.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.