Dados do Detran-GO mostram redução nos índices de infração em todo o Estado

Levantamento aponta, ainda, maior aprovação nas provas teórica e prática da Carteira Nacional de Habilitação (CNH)

Manoel Xavier, presidente do Detran-GO | Foto: divulgação

Levantamento realizado pelo Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO) aponta redução em sete das dez principais infrações cometidas por condutores no Estado, além do aumento do índice de aprovação nas provas teóricas e práticas do órgão. De acordo com a autarquia, os resultados dos investimentos do governador Marconi Perillo (PSDB) mostram que o motorista goiano está “mais consciente e educado no trânsito”.

Segundo os dados, no caso do excesso de velocidade, em 2016, foram registradas quase 23 mil autuações a mais que entre janeiro e julho de 2017. Houve reduções também em condutores que falam ao celular enquanto dirigem, não usam o cinto de segurança, avançam o sinal e param sobre a faixa de pedestre.

Para o presidente do Detran-GO, Manoel Xavier Ferreira Filho, a mudança no comportamento dos condutores se deve, principalmente, às campanhas educativas realizadas pela autarquia.

“A conscientização de não dirigir após ingerir bebidas alcoólicas está se tornando uma realidade. As pessoas são cobradas por todos para não beber e dirigir. Não só pela multa, mas porque é uma prática que vem deixando de ser aceita na sociedade, mas ainda estamos no começo. Precisamos avançar muito”, pondera.

Provas

Outro dado positivo do Detran-GO é quanto ao aumento no número de candidatos que são aprovados nas provas teórica e prática da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Dados mostram que, em comparação com o ano passado, 3,3 mil pessoas a mais que colocaram o aprendizado das aulas de direção à prova conseguiram êxito.

Manoel Xavier analisa que, entre os motivos, estão mudanças implementadas pelo Detran-GO, como a padronização das pistas de prova. O projeto chamado Pista Legal já alcançou 15 municípios e pretende alcançar todo o Estado até o final do ano. Para o presidente, os candidatos passam a ter mais segurança para fazer a avaliação prática, além de evitar que candidatos mudem de cidade em busca de provas mais fáceis: “Os candidatos precisam estar preparados para chegar às ruas.”

A implantação de biometria em todas as etapas do processo de habilitação também é apontada pelo presidente do Detran como motivo para o aumento da aprovação nas duas avaliações. Isso porque esse método visa certificar a participação dos candidatos em todas as etapas do processo de habilitação, inclusive nas salas de aula teórica e em pontos das aulas práticas.

“Para retirar o estresse e a ansiedade do candidato que está com o processo em Goiânia, já permitimos aulas noturnas agendadas dentro do circuito do Detran. Essa medida, segundo o presidente, deixa o candidato um pouco mais tranquilo na prova realizada na Capital.”

Manoel Xavier entende que, apesar de tímidos, os números mostram que os condutores estão sendo melhor preparados. “Queremos chegar logo a 60% de aprovados. Mas não queremos a aprovação pela aprovação. Estamos cobrando do instrutor, dos Centros de Formação e do próprio candidato esse preparo maior. Queremos que ele chegue às avaliações pronto para ir para a rua.”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.