Conselheiro cobra postura de Enil Henrique: “Deu sua palavra de honra”

Bezerra Rocha enviou mensagem ao presidente-tampão lembrando-lhe que foi a OAB Forte que o elegeu e pediu, ainda, que ele reconsidere candidatura

flavio-bezerra

Bezerra Rocha anuncia apoio a Flávio Buonaduce | Foto: reprodução / Facebook

O Conselheiro da seccional goiana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-GO) Manoel Leonilson Bezerra Rocha cobrou o cumprimento da palavra empenhada por Enil Henrique de que não seria candidato à presidente da Ordem nas eleições de novembro deste ano.

De acordo com Manoel Bezerra, o presidente-tampão lhe deu “palavra de honra” de que não se lançaria à reeleição. “Foi sob essa condição que o elegemos. Na vida, tanto quanto nas relações humanas e sociais, a palavra de um homem é indispensável para transmitir segurança, honradez e credibilidade em todos os atos de nossas vidas”, lembra ele.

O conselheiro pede, ainda, que Enil Henrique reflua e “reconsidere” sua pretensão, pois, mesmo que ganhe as eleições, “já sofreu derrota moral”. “E essa derrota será implacável, pois atingirá a alma: é a derrota moral, da credibilidade, da confiança. Os maiores patrimônios que um homem pode ostentar”, completou.

A mensagem foi enviada em um grupo de WhatsApp, na qual o próprio presidente-tampão Enil Henrique participa — e  chegou até a tentar argumentar alguns pontos, mas depois deixou de responder.

“Aceite o meu abraço fraterno, mas não conte comigo para trilhar esse iníquo caminho da desfaçatez”, arrematou o advogado.

Eleições

Enil Henrique anunciou que concorrerá à reeleição no pleito de novembro, mesmo após a OAB Forte — grupo do qual fazia parte — ter decidido lançar o advogado Flávio Buonaduce. O presidente-tampão foi eleito no começo do ano para um mandato de dez meses e teria garantido aos antigos aliados que não tinha interesse em disputar nova eleição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.