Confira como votaram os deputados de Goiás na 2ª denúncia contra Temer

Maioria votou a favor do relatório de Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) e livrou presidente e ministros de investigação

O plenário da Câmara dos Deputados se reúne para votar a segunda denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer (José Cruz/Agência Brasil)

O plenário da Câmara dos Deputados se reuniu hoje (25/10) para votar o pedido do Supremo Tribunal Federal (STF) para processar, por crime comum, o presidente da República, Michel Temer, e os ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria-Geral, Moreira Franco.

O presidente e os ministros são acusados de formar uma organização criminosa para ocupar cargos públicos e arrecadar propinas, estimadas em R$ 587 milhões. Temer também é acusado de obstrução de Justiça. O Planalto nega todas as acusações.

Tanto o presidente quanto os ministros só poderiam ser investigados pelo STF se pelo menos 342 do total de 513 deputados se manifestassem contra o relatório de Bonifácio de Andrada (PSDB-MG), que defende a inadmissibilidade da denúncia.

Veja como votaram os deputados por Goiás [voto “sim” é contra a denúncia; “não”, a favor da denúncia]:

 

Jovair Arantes (PTB)

 

Sim

 

Magda Mofatto (PR)

 

Sim

 

Marcos Abrão (PPS)

 

Não

 

Pedro Chaves (PMDB)

 

Sim

 

Roberto Balestra (PP)

 

Sim

 

Thiago Peixoto (PSD)

 

Sim

 

João Campos (PRB)

 

Não

 

Lucas Vergilio (SD)

 

Sim

 

Alexandre Baldy (Podemos)

 

Sim

 

Giuseppe Vecci (PSDB)

 

Sim

 

Heuler Cruvinel (PSD)

 

Não

 

Daniel Vilela (PMDB)

 

Sim

 

Célio Silveira (PSDB)

 

Sim

 

Fábio Sousa (PSDB)

 

Não

 

Flávia Morais (PDT)

 

Não

 

Delegado Waldir (PR)

 

Não

 

Rubens Otoni (PT)

 

Não

Fotos: Agência Câmara/ Agência Senado/ Assessoria de Imprensa/ Jornal Opção/ Reprodução/ Facebook

1
Deixe um comentário

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Milton Diogo de morais

2018 está ai vamos ver como á população vai reagir!!!