“Com polo industrial, vamos gerar 5 mil empregos em um ano”, anuncia Gil Tavares

Prefeito de Nerópolis comemorou instalação da Heinz e contou que pelo menos oito novas empresas também abrirão filiais na cidade 

Gil Tavares em visita ao Jornal Opção | Foto: Alexandre Parrode

Na manhã desta terça-feira (30/5), o governo de Goiás juntamente com a Prefeitura de Nerópolis assinaram o protocolo de intenções com diretores da Kraft Heinz Brasil para construção de uma nova fábrica na cidade.

O investimento total será de R$ 380 milhões e serão gerados 500 empregos diretos. A unidade deve começar a funcionar em abril de 2018 e é a primeira a ser inaugurada no mundo desde a fusão da Kraft com a Heinz.

Em visita ao Jornal Opção, o prefeito de Nerópolis, Gil Tavares (PRB), contou que esta será a maior e mais moderna fábrica do grupo. “Há sete meses estamos negociando com os executivos e conseguimos viabilizar a instalação. Com a ajuda do governador, eliminamos a burocracia e teremos uma filial do segundo maior grupo de alimentos do mundo”, comemorou.

Segundo ele, o maior entrave para a construção era a oferta de energia elétrica na região. Os diretores da Heinz chegaram a procurar a Celg-D há algum tempo, mas foram maltratados e ficaram decepcionados.

Governador cumprimenta executivos da Heinz | Foto: Wagnas Cabral

“Quando fiquei sabendo, peguei a demanda, fui a Brasília junto com o senador Wilder Morais (PP-GO) e pedimos que o ministro Marcos Pereira [Indústria, Comércio e Serviços] interferisse no processo. Assim aconteceu: o tratamento mudou e conseguimos uma rede tão potente que sobrará energia”, contou.

Só na construção da nova planta industrial serão gerados 600 empregos. Quando ficar pronta, a capacidade de produção será de 15 mil toneladas de condimentos, entre ketchup, maionese e mostarda em diferentes embalagens, aumentando em 50% o volume de produção da unidade atual, que já opera em Nerópolis.

Avanços

Gil Tavares anunciou também que, após o encontro com diretores da Celg-D e da Enel (empresa que comprou a estatal goiana), será possível concretizar o Polo Industrial de Nerópolis — projeto que ele deu início em sua última gestão [2009-2012].

“Vamos inaugurar o polo e já temos oito empresas para serem instaladas. É mais de 1,3 milhão de m² de área, que já está preparada e equipada pela prefeitura para o desenvolvimento industrial da cidade”, completou.

De acordo com o prefeito, os empregos que serão gerados, em especial pela Heinz, demandarão mão de obra qualificada e a gestão municipal lançará um programa para preparar os cidadãos de Nerópolis para assumir os postos. “Vamos profissionalizar nossos cidadãos, garantindo não só o emprego mas uma melhoria na vida profissional dessas pessoas”, disse.

Ao Jornal Opção, Gil Tavares lembrou que a prioridade de sua gestão será a geração de empregos. “Com o polo industrial, vamos gerar 5 mil empregos em um ano. O crescimento econômico vai garantir a independência de nosso município. Não depender de FPM [Fundo de Participação dos Municípios] e de verbas federais vai ser nosso maior legado”, asseverou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.