Caiado lança 4 mil novas bolsas de estudo para graduação

Edital do Probem nesta sexta-feira (27) vai ofertar bolsas universitárias no valor de até R$ 5,8 mil mensais

Nesta sexta-feira, 27, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil) lançou um novo processo seletivo do Programa Universitário do Bem (ProBem) com quatro mil bolsas de estudo para formação superior. O edital será publicado pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) na próxima quarta-feira (1º/06), no site www.ovg.org.br. As inscrições devem ser feitas entre os dias 22 de junho a 3 de julho. Os estudantes contemplados vão receber o benefício a partir do segundo semestre deste ano.

Durante o evento, a primeira-dama do Estado, Gracinha Caiado, que ocupa o cargo de presidente de honra da OVG e coordena o Gabinete de Políticas Sociais (GPS), comemorou a ação. “Vamos fazer uma educação com a qual as pessoas saibam que, ao sair dali, elas podem ter todas as condições de exercer sua profissão com seu diploma”, disse. Gracinha comentou que a gestão atual trabalha por uma educação “degrau a degrau”, preparando os jovens para todas as etapas do ensino.

A concessão das bolsas só é possível depois que o Governo de Goiás conseguiu quitar a dívida de quase R$ 76 milhões deixada pela gestão anterior com as instituições de ensino superior referente a valores que não foram repassados pelo extinto Programa Bolsa Universitária. Em 2019, Caiado fez um acordo com as instituições universitárias que estavam com as mensalidades dos estudantes atrasadas e parcelou o valor em 36 meses. No último dia 10, com um mês de antecedência, a conta foi quitada.

“Meu agradecimento maior é por terem confiado na minha palavra. Está aí mais um compromisso cumprido, mais uma promessa que saldei, e com um mês de antecedência. Isso alegra enormemente a mim e, até o final do meu mandato, essa é a maneira que eu quero governar Goiás”, disse o governador aos representantes de instituições de ensino e de estudantes universitários.

O presidente do Sindicato das Entidades de Estabelecimentos de Educação Superior do Estado de Goiás (Semesg), Jorge de Jesus Bernardo observou que as faculdades particulares de Goiás são parceiras há mais de 20 anos do programa de bolsa para estudantes universitários, mas que sempre tiveram valores a receber. “Quando o governador Ronaldo Caiado assumiu a gestão, o momento era terrível. E, hoje, estamos festejando a antecipação do pagamento, estamos em um diferencial muito grande em relação ao tempo passado”.

Programa Universitário do Bem

Atualmente, o ProBem possui aproximadamente 12 mil bolsistas, com beneficiários em 227 municípios goianos, distribuídos em 92 instituições de ensino, sediadas em 34 cidades. Das novas 4 mil bolsas, serão mil integrais e 3 mil parciais. As bolsas parciais correspondem a 50% do valor da mensalidade e são limitadas a R$ 650. Já as integrais correspondem a 100% do valor da mensalidade e são limitadas a R$ 1,5 mil. Para estudantes de medicina ou odontologia, cursos com mensalidades mais altas, os limites são maiores, de R$ 2,9 mil para parciais e R$ 5,8 mil, para integrais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.