Órgão pode analisar e liberar autorizações temporárias para aplicação de doses no país

Estado vai acompanhar campanha de vacinação nacional | Foto: Reuters

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvis) aprovou nesta quinta-feira, 10, regras que autorizam o uso emergencial e em caráter experimental de vacinas contra Covid-19. Com isso, o órgão pode analisar e liberar autorizações temporárias para aplicação de doses no país.

A decisão foi unânime entre os diretores da agência. No dia 2 de dezembro, a Anvisa já havia definido requisitos para uso emergencial da vacina. Ainda não há pedido de uso emergencial ao órgão.

“Qualquer autorizção concedida pela Anvisa só será feita diante de um pleito. A vacina só terá autorização de uso emergencial e experimental se houver o pleito realizado por alguma empresa”, diz comunicado da agência.

A autorização temporária poderá ser modificada, suspensa ou cancelada a qualquer momento com base técnica e científica.

Outros países como o Reino Unido, Estados Unidos e Canadá possuem protocolos semelhantes.