ANP realiza força-tarefa de fiscalização de postos de combustível em Goiânia

Ação é parceria com Procon, Ministério Público Federal, Secretaria Estadual da Fazenda e Inmetro, e segue até esta sexta-feira (20/3)

ANP realiza fiscalização em Goiânia |Foto: divulgação

ANP realiza fiscalização em Goiânia |Foto: divulgação

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) dá continuidade a operação de força-tarefa para fiscalizar postos de combustíveis em Goiânia desde a última segunda-feira (16/3). A parceria com o Procon, o Ministério Público Federal, a Secretaria Estadual da Fazenda e o Inmetro, segue até esta sexta-feira (20/3).

Na manhã desta quinta (19), o ponto de encontro foi nos postos Carrefour Sul e Z+Z, quando os técnicos fiscalizaram todos as características do posto, desde a qualidade do combustível até produtos nas lojas de conveniência. “Esta ação é um olhar do Estado ao consumidor e também ao empresário. É uma força-tarefa que reúne vários órgãos de defesa do cidadão”, explica Manoel Policarpo Neto, responsável da ANP no Centro-Oeste.

A expectativa é que mais de 40 postos sejam fiscalizados em toda a cidade até o fim da operação. Neto esclarece que as autuações de irregularidades são feitas de acordo com cada órgão e pode, sim, haver multas e até interdição do estabelecimento. “Até agora já foram sete autuações por problemas com a bomba de combustível. São infrações graves, que geram autuações aos proprietários… A multa pode chegar a R$ 9 milhões de reais”, complementa.

Questionado sobre a qualidade do combustível em Goiás, o responsável elogia: “Sempre foi muito boa”. “Até agora não achamos nenhum problema na qualidade do combustível. Os problemas são relacionados relacionados mais à parte mecânica e no fisco”, finalizou Neto.

Deixe um comentário