Alysson diz que CPI da Enel perdeu o foco e ficou “morna”

Para deputado, tentam “blindar Marconi, deixando ele fora dos depoimentos”

Foto: Fábio Costa / Jornal Opção

Para o deputado estadual Alysson Lima, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Enel perdeu o foco, que é buscar explicações sobre a privatização e falência da Celg e pressionar a concessionária a prestar melhor atendimento aos goianos. O parlamentar afirma que os trabalhos do colegiado ficaram “mornos” nos últimos quarenta dias.

“Alguns deputados rasgaram o regimento inventando uma desconvocação do Maguito. Eu nunca vi isso, alguém ser convocado por uma CPI e depois ser desconvocado”, reclamou o legislador que, disse, ainda, que tentam “blindar Marconi Perillo, deixando ele fora dos depoimentos pra deixar a CPI no clima de apaziguamento”.

Pontua-se que Alysson foi o autor da convocação dos ex-governadores Marconi e José Eliton, ambos do PSDB, além de um dos propositores da abertura desta comissão. A expectativa é que os trabalhos da CPI retornem no começo de agosto com o depoimento da ex-secretária da Fazenda, Ana Carla Abraão.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.