Advogado é encontrado morto em cela de delegacia de Goiânia

Manoel do Rosário dos Santos foi preso em flagrante por uso de documento falso e receptação

A Polícia Civil de Goiás informou nesta quinta-feira (7/6) que o advogado Manoel do Rosário dos Santos, preso em flagrante na última quarta-feira (6) por uso de documento falso e receptação, foi encontrado morto durante esta madrugada na cela especial da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH). O suspeito teria tirado a própria vida.

A prisão de Manoel havia contado com o acompanhamento da Comissão de Direitos e Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil – seção Goiás (OAB-GO). Após a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante, o suspeito foi colocado sozinho em uma cela especial, destinada a advogados, na DIH.

A perícia no local da morte já foi realizada e os procedimentos apuratórios foram devidamente instaurados, informou a Polícia Civil por meio de nota.  A seccional goiana da OAB também irá acompanhar o caso.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.