Ações do Facebook caem mais de 5,6% após instabilidade no WhatsApp

O aplicativo de mensagens da empresa, assim como Instagram e o próprio Facebook, tiveram problemas de acesso em diversos países

As ações do Facebook estão em queda na bolsa de valores nesta segunda-feira (4), um dia marcado por instabilidades que deixaram o WhatsApp, o próprio Facebook e o Instagram fora do ar em diversos países.

Os papéis da companhia sediada em Menlo Park, na Califórnia, caíam mais de 5% no início desta tarde, indo de 335 dólares na abertura da bolsa para 323 dólares.

O site Downdetector, que registra a quantidade de queixas de mau funcionamento de aplicativos, passou a indicar instabilidade nas plataformas por volta das 12h30 e mostrou mais de 20 mil incidentes de usuários relatando problemas no acesso.

Às 15h10 (de Brasília), as ações do Facebook caíam 5,63%. O índice Nasdaq tinha queda de 2,3%, o S&P 500 recuava 1,43% e o Dow Jones cedia 1,05%. O Nasdaq, fortemente ligado ao setor de tecnologia, via sua queda pressionada pelo apagão na rede social de Mark Zuckerberg.

Enquanto isso, os downloads de aplicativos concorrentes disparam. Telegram e Signal já publicaram mensagens em suas redes sociais desejando boa sorte e fazendo piada com a instabilidade do concorrente, que domina o mercado de mensagens no Brasil.

Segundo a pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box, publicada no começo de 2020, o WhatsApp está instalado em 99% dos smartphones brasileiros. Em 2018, o percentual de instalação já era alto: 96%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.