Presidente do PTB no Tocantins faz fortes críticas à prisão de Roberto Jefferson

Alex Kawano chamou o ministro Alexandre de Moraes de “urubu do STF” após o magistrado mandar prender o líder de seu partido

O presidente estadual do Partido Trabalhista Brasileiro no Tocantins, Alex Kawano, usou as redes sociais para protestar contra a prisão preventiva do presidente nacional da sigla, Roberto Jefferson.

O tocantinense chamou o ministro Alexandre de Moraes de “urubu do STF”. “Resolveu dar uma de xerife em cima da democracia brasileira e assim usando do abuso de poder, totalmente ilegal, arbitrária, fazendo deste ato uma prisão politiqueira”, escreveu nas redes.

Roberto Jefferson é acusado de fazer parte de uma milícia digital contra a democracia e as instituições. A determinação de prisão, feita por Moraes, veio após pedido da Polícia Federal e já foi cumprida: o petebista se encontra no presídio de Bangu 8, no Rio de Janeiro, onde permanece após audiência de custódia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.