Governo busca ampliar rede de atendimento do Plansaúde

Comissão da Secretaria de Administração definirá critérios para ingresso de novos prestadores de serviço para o plano de saúde dos servidores

Márcio Bandeira, diretor do Plansaúde. Foto: SECOM

Depois de experimentar grave crise em 2018, o Plansaúde, plano de saúde dos servidores públicos efetivos, vem sendo reestruturado pelo governo do Estado do Tocantins. Algumas alternativas, aos poucos, vêm sendo apresentadas, como a ampliação da rede de atendimento publicada no Diário Oficial do Estado de terça-feira (19). A portaria, que constitui comissão para elaboração do edital, vai permitir o credenciamento de novos prestadores de serviço.

A iniciativa faz parte de um cronograma de ações que buscam melhorias para o atendimento do Plansaúde. A comissão, formada por servidores da Secretaria Estadual de Administração, será responsável por elaborar os termos de referência que vão nortear o processo de credenciamento. A intenção é indicar as condições necessárias para a adesão, definindo as habilitações para pessoas físicas e jurídicas, as obrigações do credenciado e do credenciante, bem como os critérios de pagamentos.

Segundo o diretor do Plansaúde, Márcio Bandeira, a partir da publicação do edital os interessados deverão apresentar a documentação exigida para o credenciamento. “Após isso, será publicada uma lista de aptos e inaptos, para assinar o contrato de prestação de serviços”, explicou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.