Hospital de Trindade ficará mais de 150% maior após obra de ampliação

Área construída subirá de 2,1 mil m² para 5,3 mil m². Grupo Gerir, que administra a unidade, destaca esforços do município

Em visita ao Hutrin, prefeito em exercício Gleyson Cabriny (PSDB), à direita, conversa com Adilson Usier, superintendente da organização social Gerir, que administra a unidade | Foto: Iris Roberto

Em visita ao Hutrin, prefeito em exercício Gleyson Cabriny (PSDB), à direita, conversa com Adilson Usier, superintendente da organização social Gerir, que administra a unidade | Foto: Iris Roberto

FÁBIO PH
Especial para o Jornal Opção

Uma comitiva de autoridades esteve na manhã de quinta-feira, 2, no Hospital de Ur­gências de Trindade (Hutrin). Entre elas es­ta­va o prefeito em exercício, Gley­s­son Cabriny (PSDB), o presidente da Câmara Municipal, vereador Erik Co­trim (PSDC), a secretária municipal de Saúde, Gercilene Ferreira, o comandante do 22º Batalhão da Po­lícia Militar, tenente-coronel Paulo Henrique Segato, o superintendente do grupo Gerir, Adilson U­sier, além de muitos assessores.

Em fase de construção, o projeto de ampliação do Hutrin prevê a ampliação de 3.209,21 metros quadrados em relação à atual área construída, saindo de 2.097,71 m² para 5.306,92 m². “Ressalto o legado que recebemos da atual administração, que nos entregou o hospital em pleno funcionamento, com centro cirúrgico reformado e realizando cirurgias, sistema de ar, lavanderia e cozinha funcionando, além de mapeamento pontual dos serviços prestados, entre muitas outras coisas. Importante também destacar os investimentos do governo do Es­ta­do de Goiás, que tem correspondido a todas as nossas solicitações de investimentos”, disse Adilson Usier.

Cabriny parabenizou e agradeceu suas palavras em nome da população e todos os colaboradores que estão empenhados nesta nova fase do Hutrin. “Tínhamos um hospital repleto de situações negativas e de grande desgaste para o município e para a sociedade. Daqui a 20 meses, com R$ 20 milhões em investimentos — R$ 18 milhões destes vindos do Estado —, teremos um hospital de qualidade em atendimento igual ao das grandes unidades de saúde da capital”, disse.

Branca pontuou que a Secretaria Mu­nicipal de Saúde atravessa o me­lhor mo­mento de sintonia com o Hu­trin. “In­di­ca­dores e pesquisas nos mostram que estamos no rumo cer­to para um atendimento ca­da vez mais eficiente e humanizado”, frisou.

Marlene Costa, acompanhante do paciente Julimar Ribeiro, residente no Setor Sol Dourado, internado no Hutrin há dez dias, aprovou o no­vo atendimento do hospital. “Já es­tive aqui com o Josimar, em outra oportunidade. Estamos recebendo um tratamento bem próximo dos médicos, a medicação não falta e a alimentação está muito boa”, relatou.
tr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.