Quando jovem, Severino Cavalcanti deixou de pegar um voo no qual morreu um filho de Pedro Ludovico

O falecido ex-presidente da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti, que renunciou em 2005 para não ser cassado, certa vez escapou da morte em Goiás.

No livro de minha autoria Tu És Pedro, biografia de Pedro Ludovico, há uma referência a Severino. É no capítulo no qual relato o desastre do avião Douglas DC-3 entre Rio Verde e Goiânia, no qual morreu o jovem Antônio, filho de Pedro.

Severino era na época um jovem de 21 anos e trabalhava como representante comercial, Achava-se em Rio Verde. Precisou ficar mais três dias na cidade e deixou de embarcar no voo trágico.