Euler de França Belém
Euler de França Belém

Paulo Henrique Amorim, crítico do PIG, lança livro-bomba de quase 600 páginas sobre a Imprensa

Um dos mais experimentados jornalistas do país, apontado como petista pela oposição, publica obra corrosiva sobre a Imprensa brasileira

O QUARTO PODER

Paulo Henrique Amorim foi, durante anos, um competente jornalista de economia, inicialmente na imprensa e, depois, na televisão. Brilhou na TV Globo como um dos mais importantes comentaristas econômicos do país (seu principal rival talvez tenha sido Joelmir Betting). Em seguida, enveredou por outros caminhos, como a apresentação de programa de entretenimento, na TV Record. Na internet, com seu blog Conversa Afiada, passou a publicar críticas ao que costuma chamar de PIG, quer dizer, Partido da Imprensa Golpista. Apontado como “petista” por parte da imprensa, notadamente jornalistas da revista “Veja”, e por políticos oposicionistas, tornou-se um crítico viperino daqueles que criticam os governos do PT. Foi acionando judicialmente várias vezes e perdeu alguns processos, mas, embora tenha se tornado um pouco mais cauteloso, continua criticando os supostos adeptos do PIG. Agora, pela Editora Hedra, está lançando o livro “O Quarto Poder — Uma Outra História”, um cartapácio de 568 páginas.

O livro já pode ser pedido no site da Livraria Cultura. Ainda não li. Mas sabe-se que contém críticas corrosivas à imprensa — o tal quarto poder a que o título faz referência.

Paulo Henrique Amorim tem 73 anos, mas não dá indícios de que vai se aposentar. Ele adora uma polêmica.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mario CBS

Não fosse gente como PHA as pessoas continuariam achando em pleno século 21 que a Globo, a Veja, o Estadão, a Folha de São Paulo e similares são veículos isentos e trabalham angelicalmente pelos interesses do país.

SALVAS DE PALMAS PARA PHA