Euler de França Belém
Euler de França Belém

Filha de Guimarães Rosa terá de pagar 30 mil reais ao escritor goiano Alaor Barbosa

alaor barbosa

O escritor e crítico literário goiano Alaor Barbosa, apaixonado pela obra do escritor mineiro João Guimarães Rosa, autor do romance máximo da literatura brasileira, “Grande Sertão: Veredas” (só “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis, é seu par e rival-mor), escreveu a excelente biografia “Sinfonia de Minas Gerais — A Vida e a Literatura de João Guimarães Rosa” (LGE Editora), mas, no lugar de aplaudi-lo, uma filha do autor, a escritora Vilma Guimarães Rosa, decidiu processá-lo, com o objetivo de censurar o livro. Não só, ela o atacou publicamente. Alaor Barbosa decidiu processá-la. Na semana passada, saiu a sentença. Um juiz de Goiás condenou Vilma Guimarães Rosa a indenizar o escritor e biógrafo.

A escritora terá de pagar 30 mil reais a Alaor Barbosa. O biógrafo de Guimarães Rosa alega que foi caluniado, injuriado e difamado pela filha do autor de “Sagarana”.

A sentença deve ser publicada nos jornais em que os crimes foram cometidos.

Uma resposta para “Filha de Guimarães Rosa terá de pagar 30 mil reais ao escritor goiano Alaor Barbosa”

  1. Paulo roberto disse:

    Boa noite. A justiça do estado de Goiás elevou a condenação para R$50.000,00 em 21.05.2015.
    http://www.tjgo.jus.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.