Trata-se de folclore político e como tal deve ser contado. Conta-se que uma política do PMDB, conhecida como Maria Antonieta do Cerrado, estaria sugerindo que, se os pobres não têm pão e medicamentos em Goiânia, que comam alface e tomem chá. Uma horta já foi providenciada no Paço Municipal.